Município de Alenquer

Notícias

Covid-19: Casas Mortuárias do concelho de Castro Verde com novas regras 5963
23 de março 2020

Covid-19: Casas Mortuárias do concelho de Castro Verde com novas regras5963

As Casas Mortuárias do concelho de Castro Verde vão ter novas regras de utilização, no âmbito do Decreto de Estado de Emergência e da reunião da Comissão Municipal de Proteção Civil realizada a 20 de Março, para fazer face à propagação do vírus COVID-19. As novas medidas de contenção aprovadas entram em vigor às 00 horas, do dia 23 de março de 2020, e abrangem cerimónias fúnebres e a utilização das respetivas Casas Mortuárias. De sublinhar, que as medidas em causa têm como objetivo a prevenção e a proteção da saúde da população perante o quadro de emergência gerado pela pandemia. Assim, neste âmbito: - A lotação máxima das Casas Mortuárias será de 5 pessoas, com exceção da Casa Mortuária de Castro Verde, cuja lotação máxima se fixará nas 10 pessoas, permitindo-se a permanência exclusiva no espaço aos familiares do defunto; - As condolências deverão ser apresentadas com entrada de uma pessoa de cada vez na sala, devendo abandonar a sala em seguida; - Deverá ser mantida uma distância mínima de 2 metros entre os presentes, não devendo existir qualquer contacto físico entre as pessoas; - Não é permitido utilizar qualquer equipamento de distribuição de bebidas ou alimentares; - O horário de funcionamento da Casa Mortuária será obrigatoriamente entre as 07h00 e as 22h00.

“Fique em Casa, Nós Vamos por Si!”: Apoio à População com mais de 65 anos 5961
19 de março 2020

“Fique em Casa, Nós Vamos por Si!”: Apoio à População com mais de 65 anos 5961

A Câmara Municipal de Castro Verde, em parceria com as Juntas de Freguesia do concelho e a delegação da Cruz Vermelha de Castro Verde, tem à disposição desde o dia 20 de março, um serviço de apoio à população para minimizar os efeitos do quadro social difícil que estamos a atravessar devido à pandemia COVID 19. Nesse sentido, vamos procurar dar respostas à população socialmente mais vulnerável, nomeadamente com mais de 65 anos de idade, criando uma solução de para apoiar diariamente nas compras ou aquisição de medicamentos.

Rede de Águas de Castro Verde: Um Desafio Estratégico para o Futuro 5959
16 de março 2020

Rede de Águas de Castro Verde: Um Desafio Estratégico para o Futuro5959

A intervenção histórica que está a decorrer na Rua Morais Sarmento (antiga Rua Nova da Feira) é a “pedra angular” de um processo de requalificação muito importante e que, neste caso concreto, envolve duas perspetivas: a requalificação urbana e a reabilitação da Rede de Águas da vila de Castro Verde. Trata-se de problemas identificados há muitos anos e que, desde o início do atual mandato, foram assumidos com clareza para, consequentemente, serem resolvidos e, finalmente, termos uma “Rua Nova” em vários sentidos! Assim, a Rua Morais Sarmento ganhará um novo perfil de trânsito, a partir da redução de número de lugares de estacionamento (passa de 55 para 21), privilegiando as pessoas e a circulação pedonal. Neste contexto, o estacionamento nos 21 lugares disponíveis contemplará períodos temporários de 30 minutos para acesso a comércio e serviços, haverá espaço com bancos de jardim e cantoneiras e, naturalmente, maior mobilidade – em contraponto com o quadro anteriormente existente! No caso da Rede de Águas, a obra requalifica totalmente a conduta central e todos os ramais domiciliários, intervindo, igualmente, na rede de pluviais da parte mais a Sul do arruamento, superando assim um problema antigo para os moradores. Esta obra histórica decorre desde o final do mês de janeiro, em muito bom ritmo, executada pela empresa CONSDEP – Engenharia e Construções, S.A. e contempla os seguintes investimentos (valores sem IVA): Corredor Pedonal – Rua Morais Sarmento € 268.773,83 Remodelação da Rede de Águas € 46.975,57 TOTAL DA EMPREITADA € 315.749,40 Para a CMCV trata-se de um investimento muito importante, por toda a natureza subjacente ao projeto, mas, igualmente, por ser uma resposta há muitos anos esperada e defendida pela generalidade da população, mas particularmente pelos moradores e comerciantes daquela artéria. A ÁGUA COMO PRIORIDADE Sublinhamos que, além desta intervenção na Rua Morais Sarmento, a Câmara Municipal já concluiu a requalificação da rede na Rua 4 de Junho e em diversos ramais da Av. António Sérgio, num investimento de € 23.468,16. Estima-se, ainda, a conclusão em abril da execução da empreitada para a redução de perdas e seccionamento da rede, no valor de € 103.384,20, a que acresce aquisição de meios informáticos associados a esse processo num valor de € 27.318,86. Estes meios permitirão uma monotorização permanente da rede de Castro Verde. No total, o investimento que já está a ser executado na melhoria da Rede de Águas de Castro Verde atinge € 201.146,79 o que, na nossa ótica, comprova com clareza como, para este executivo, a água é um desafio estratégico que merece todo nosso empenho. Refira-se, por outro lado, que a Câmara Municipal também já elaborou os projetos para intervir na chamada zona antiga da vila, nomeadamente na Rua Dr. António Francisco Colaço e no Largo Vítor Prazeres, mas também nas ruas Campo de Ourique, da Batalha e da Aclamação, estimando-se que, com este plano, a autarquia concretize de modo concreto uma parte revelante da requalificação da rede nas zonas mais críticas e, desse modo, o fortalecimento da qualidade do serviço prestado à população em toda a vila. OBRA EM TODO CONCELHO Assinale-se, finalmente, que a par destas intervenções no sistema “em baixa” (que contempla a rede desde o depósito até às habitações!), neste momento caminha para o fim a empreitada que fortalece todo o sistema “em alta”, ou seja, desde a albufeira do Monte da Rocha até aos diferentes reservatória do concelho. A obra visa a significativa melhoria do abastecimento de água a Castro Verde e às sedes de freguesia (Entradas, Santa Bárbara de Padrões e São Marcos da Atabueira) e também a Casével, Geraldos, Rolão, Viseus, Beringelinho, Sete, Lombador e A-doCorvo. A par disso, será executada a remodelação do reservatório elevado de Entradas e do reservatório apoiado de S. Marcos da Atabueira. Esta empreitada é gerida pela empresa Águas do Alentejo (AgDA), da qual a Câmara Municipal de Castro Verde á acionista a partir da AMGAP. No total, o investimento global das intervenções referidas atinge mais de € 4,4 milhões de euros. Com o conjunto destas intervenções, a Câmara Municipal de Castro Verde está confiante num avanço muito revelante que permitirá, finalmente, requalificar, em larga medida, a Rede de Águas da vila e, consequentemente, prestar um serviço público de abastecimento com competência e total qualidade. Castro Verde, 16 de março de 2020 O Presidente, António José Brito

Atualização: NOVAS Medidas Municipais de Contenção do Coronavírus (Covid-19) 5950
10 de março 2020

Atualização: NOVAS Medidas Municipais de Contenção do Coronavírus (Covid-19)5950

  A par das medidas já anunciadas, a Câmara Municipal de Castro Verde (CMCV) decidiu avançar com novas medidas de contenção na área do concelho com efeitos a partir das 00h00 terça-feira, dia 17 de março: Encerrar o acesso público nos edifícios municipais (Paços do Município, Fórum Municipal e Gabinete de Educação e Ação Social) O atendimento presencial terá as seguintes exceções:Tesouraria – 09h00 às 11h00Água – 09h00 às 10h00Obras - 10h00 às 11h00Ação Social – 09h00 às 10h00 O atendimento não presencial poderá ser feito da seguinte forma:Telefone: 286 320 700E-mail: geral@cm-castroverde.pt Os trabalhadores municipais passarão a ter dois turnos de quatro horas:Trabalho externo das 08h00 às 12h00 e das 12h00 às 16h00Trabalho interno das 09h00 às 13h00 e das 13h00 às 17h00 Castro Verde, 16 de março de 2020 O Presidente da Câmara, António José Brito _________________________________________________________ A par das medidas já anunciadas nos dias 10 e 13 de março, a Câmara Municipal de Castro Verde (CMCV) decidiu avançar com novas medidas de contenção na área do concelho com efeitos a partir das 12h00 de domingo, dia 15 de março, nomeadamente o encerramento do atendimento ao publico do Posto de Turismo, mantendo-se o mesmo em funcionamento através de atendimento telefonico (286 328 148) e por email: posto.turismo@cm-castroverde.pt Castro Verde, 15 de março de 2020 O Presidente da Câmara,António José Brito_________________________________________________________A par das medidas já anunciadas no dia 10 de março, a Câmara Municipal de Castro Verde (CMCV) decidiu avançar com novas medidas de contenção na área do concelho com efeitos a partir das 00h00 de sábado, dia 14 de março: Encerrar o acesso de novos utilizadores ao Parque de Campismo de Castro Verde; Encerrar a Biblioteca Municipal Manuel da Fonseca e os polos nas freguesias; Encerrar o Museu da Ruralidade em Entradas e os restantes Núcleos em Aivados, Almeirim e Lombador; Cancelar o Mercado Mensal de abril; Castro Verde, 13 de março de 2020O Presidente da Câmara, António José Brito_________________________________________________________ A Câmara Municipal de Castro Verde (CMCV) aprovou segunda-feira, dia 9 de março, o plano de contingência interno que já está em aplicação nas instalações e para os trabalhadores do Município, cumprindo o determinado pela Direção Geral de Saúde (DGS). Entretanto, como consequência do Plano Nacional de Preparação e Resposta à Doença por novo Coronavírus (Covid-19), a CMCV decidiu tomar as seguintes medidas preventivas a partir da 00h00 de quarta-feira, dia 11, prolongando-as até 10 de abril: Cancelar todos os eventos promovidos pelo Município, abertos ou contendo públicos externos ao universo municipal, o que inclui espetáculos em equipamentos como o Cineteatro Municipal e, nomeadamente, todas as sessões de cinema, o XII Festival de Teatro Escolar e as atividades associadas ao Conservatório Regional do Baixo Alentejo; Cancelar o Festival Sabores do Borrego e agendar, desde já, a edição de 2021 para os dias 26, 27 e 28 de março; Suspender o Mercadinho na Praça da Liberdade no dia 21 de março; Encerrar as piscinas municipais; Cancelar as atividades desportivas promovidas no âmbito dos Jogos Concelhios; Suspender todas as atividades promovidas na Biblioteca Municipal e respetivos polos e, igualmente, no Fórum Municipal; Adiar o Mercado Municipal Mensal para dia 15 de abril; Cumprir, relativamente às escolas, o que a cada momento vier a ser determinado pela Direção Geral de Saúde e pelo Ministério da Educação; Castro Verde, 10 de março de 2020 O Presidente da Câmara, António José Brito

Visite

Publicações

Documentos

Veja Castro Verde com outros olhos!
Use #CastroVerde nas suas fotografias para as ver no nosso feed!